Poesias Pesadas

Licença Creative Commons
O trabalho Poesias Pesadas de Marcio Jung foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Podem estar disponíveis autorizações adicionais ao âmbito desta licença em http://paginadomarcio.blogspot.com.br.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Ivomir o campeão

A batalha
é dura
a cabeça pesa,

sinto o peso
da espada já
manchada de sangue



mas eu sei
que no final
serei eu o vencedor,

o adorado de Odin,
eu sei!
Batalho por isso!

Quero dançar ao lado
das valquírias,
beber o hidromel
pois sei que no final
Odin gritará meu nome bem alto
para que os nove mundos escutem!

Eu sei,
eu quero,
necessito,

Odin
o das velhas baladas,
grande é minha alegria
por batalhar em teu nome
ó Odin!

As velhas canções
animam meu corpo já cansado
que teima em cair
mas continuo, mesmo cambaleando,
pois estou quase no castelo,
o castelo Vifrondir, onde nos encontraremos
e me levarás.

Sim Odin
me prometeste
e juro que farei como o combinado
pois esse é meu destino.

Um brinde as Valquírias,
ao hidromel,
a tudo o mais dos nove mundos,
pois os gigantes de gelo não nos podem vencer.


Odin, Odin, Odin!
Me leve pois já
não aguento mais!

Odin, que visão maravilhosa
esta tua,
sim te diviso,
e seguro a tua mão
pois estou pronto para a passagem!


Nenhum comentário:

Postar um comentário